#livrosquetransformamvidas

andré luiz

André Luiz narra a sua reencarnação

André Luiz narra o seu preparo para reencarnar em seu livro A decisão – cristos planetários definem o futuro espiritual da Terra”, escrito em parceria espiritual com Chico Xavier. Vejamos suas palavras na apresentação da obra.

Finalização do trabalho de psicografia

“É chegado o tempo de concluirmos as escritas que envolveram meu coração como intérprete e médium¹ da mensagem superior dos mentores da colônia² que me abrigou e me orientou os passos. Especialmente Clarêncio³, que coloco aqui como um verdadeiro anjo da guarda, que me recebeu e me acolheu na condição de tutelado de seu amor.

Agora, estou prestes a retornar à vida física, assim como o próprio Clarêncio também voltará em um futuro breve.”

Programação para a futura existência

“Dentro da minha programação está o compromisso de exercer uma influência mais elevada junto de meu antigo pai, pois nascerá novamente como seu filho. Darei continuidade à influência espiritual superior que minha mãe da última reencarnação estará exercendo ao recebê-lo como filho.

Como neto dela, eu poderei contribuir com a renovação moral tanto do meu pai quanto de minhas tias, suas antigas companheiras de desvios4, hoje abrigadas por minha abnegada mãezinha do passado, a fim de que a harmonia se estabeleça entre todos nós.

Volto também para cumprir a minha parte na responsabilidade que todos temos no processo de renovação pessoal e planetária5.”

Oportunidades do trabalho realizado

“Tenho a oportunidade de mostrar a todos os leitores a transitoriedade das coisas e dos traços que marcam as personalidades, pois me conheceram como um ser miserável de luz na busca por acordar a grandeza essencial do meu espírito imortal.

Lembro-me daqueles anos nos quais permaneci em pleno umbral6, quando o orgulhoso médico e materialista convicto que fui se deparou com a realidade além da matéria para descobrir a sabedoria infinita de Deus.

Revivo com emoção a decadência do homem desiludido com seus princípios passageiros e colado ao chão, implorando o amparo e a abertura de novas oportunidades para que o filho pródigo retornasse à casa do Pai e O encontrasse com os braços abertos, a restituir minha origem e herança divinas, pois foi exatamente isso que aconteceu.”

Reencontro com o seu destino

“Reencontrei o Pai de amor ilimitado que, com o aconchego de Seus braços, me restituiu a paz e a possibilidade de atuar junto d’Ele no bem e estendê-lo para alguns espíritos dos dois planos da vida, que receberam, direta ou indiretamente, a possibilidade de soerguimento espiritual por meio do trabalho que me foi oferecido de escrever livros aos encarnados.”

Retorno junto aos familiares do passado

“Por isso mesmo, retorno ao lado desses corações queridos para que possamos fechar os ciclos de convivências em clima de entendimento e amor. Estarei junto de muitos outros amigos nesta casa planetária, que nos educa a alma e que é tão acolhedora quanto um grande coração materno, para que vençamos a nós mesmos!”

Continuidade do trabalho de André Luiz

“Outros ‘Andrés Luizes’ continuarão a tarefa despersonalizada que os meus orientadores me convidaram a realizar próximo de seus corações.

Quem empreende essa tarefa já não é nem o médico nem o materialista, que há muito deixaram de existir, e sim um amigo que lhes agradece a convivência e aprendeu a colocar todos na condição de irmãos da mesma família universal à qual o Cristo nos chama.”

Última empreitada

“Com esta disposição sincera, convido a todos para uma última empreitada de investigação das verdades espirituais, para que possamos avistar a luz que desce do alto em função do sol divino do Cristo, que Se aproxima para a redenção espiritual do planeta, determinando nova etapa de crescimento. Sigamos adiante para podermos vislumbrar o futuro glorioso que nos aguarda. Paz e esperança para todos nós!”

André Luiz


[1] Aqui André Luiz se refere a todas as obras que psicografou com Chico Xavier, a partir da década de 1940 até os dias atuais, com outros médiuns.

[2] Colônia Nosso Lar, descrita no livro Nosso lar, de sua própria autoria espiritual, pela mediunidade de Chico Xavier. Editora FEB.

[3] Foi o Clarêncio que resgatou André Luiz do Umbral, na narrativa do livro citado acima, e o acompanhou durante décadas até seu reencarne.  

[4] Na última existência, o pai de André não era fiel à esposa e teve vários envolvimentos afetivos que tanto o prejudicaram como lesaram outras companheiras.

[5] Nos últimos anos, André se comprometeu com o trabalho da regeneração planetária estabelecido pela Colônia Nosso Lar.

[6] A narrativa desta passagem de André Luiz pelo umbral, logo após seu desencarne na última existência, está no livro citado acima.

The following two tabs change content below.
Maria José iniciou o trabalho da Editora Dufaux, em sua casa, na Rua Professor Baroni, no bairro Gutierrez, que se tornou a primeira sede da Dufaux. Em Para tanto, ela “confiscou” o único computador e o telefone fixo da família, dando início aos trabalhos.

Compartilhe esse post

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram

Veja outros posts que podem lhe interessar

fases da reencarnação

Fases da reencarnação

O QUE É A REENCARNAÇÃO? A reencarnação é um processo usado pelo espirito em evolução na Terra, com o objetivo de desenvolver as suas aptidões

Leia mais »
Editora Dufaux logo colorida

Cadastre-se para receber um
CUPOM DE
15% de desconto
na Loja Virtual Dufaux, novidades do blog, conteúdos edificantes, lançamentos e muito mais!”